Novo estudo mostra sintomas comuns de covid prolongado

Uma em cada oito pessoas infectadas com o coronavírus desenvolve pelo menos um sintoma de covid-19 de longa duração, revelou nesta quinta-feira (4) um dos maiores estudos já feitos sobre a doença. O novo estudo publicado pelo The Lancet pediu a mais de 76 mil adultos na Holanda que preenchessem um questionário online sobre 23 sintomas típicos de covid prolongada. Entre março de 2020 e agosto de 2021, cada participante respondeu ao questionário 24 vezes. Nesse período, mais de 4.200 pessoas, ou seja, 5,5%, relataram ter sido infectados pela covid-19. Destes, mais de 21% tiveram pelo menos um ou vários sintomas severamente aumentados três a cinco meses após a infecção. No entanto, quase 9% das pessoas em um grupo de controle que não contraíram a covid-19 relataram um aumento semelhante. Isso sugere que 12,7% dos que tiveram covid, quase um em cada oito, sofreram com sintomas de longo, segundo o estudo. Eles determinaram que os sintomas comuns de covid prolongado incluem dor no peito, dificuldades respiratórias, dores musculares, perda de paladar e olfato e fadiga. Os autores reconheceram que o estudo tem limitações, como não abranger variantes tardias como a delta ou ômicron, e não coletar informações sobre sintomas como os lapsos na mente, considerados típicos de covid prolongada.

Fonte: Aerp

Tags

Fique conectado

Coloque o seu melhor e-mail e receba nossas atualizações