Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Projeto da Cocari capta água da chuva no complexo industrial para uso na irrigação das lavouras do CTC e ganha Selo Sesi

A água é a nossa maior riqueza natural, mas é um bem finito. Preocupados com a seriedade dessa afirmação e atentos à necessidade de preservação do recurso, os responsáveis pelo Centro Tecnológico da Cocari (CTC) e pelo setor industrial da cooperativa, desenvolveram em conjunto o  ‘Projeto de irrigação por meio de captação de águas pluviais’, visando captar águas das chuvas nos pátios e coberturas do parque fabril (Fábrica de Rações e a Fiação Cocari), para serem reaproveitadas na irrigação das lavouras experimentais do CTC. 

Boas práticas

Os excelentes resultados a campo renderam à iniciativa o selo do SESI ODS, criado para reconhecer boas práticas para o desenvolvimento sustentável dos municípios paranaenses, em apoio às indústrias com gestão socialmente responsável. 

O prêmio estimula ações voltadas à temática ESG que envolve questões ambientais e sociais de governança corporativa aos objetivos do desenvolvimento sustentável instituídos pela Organização das Nações Unidas (ONU), estando a iniciativa desenvolvida pela Cocari alinhada a três desses objetivos:  ODS 6 – água potável e saneamento, ODS 9 – indústria, inovação e infraestrutura e ODS 12 – consumo e produção responsáveis.

Falta d’água não é mais problema

Desenvolvido para atender a uma necessidade do Centro Tecnológico em irrigar as suas áreas de cultivos experimentais, o projeto supre um grande problema enfrentado pelo CTC. “A falta de água era um dos problemas, então surgiu a ideia: por que não usar as águas das chuvas? Nós temos um pátio com aproximadamente 9 hectares, onde são coletadas as águas dos telhados, por meio das tubulações e das calhas, as áreas do pátio, com a coleta de boca de lobo em toda a área do complexo, que são direcionadas para um reservatório de acúmulo”, explica o gerente de Engenharia da Cocari, Valdinei Ottoboni, um dos idealizadores do projeto. 

Todo acúmulo das águas pluviais é direcionado para o reservatório, e fica guardado para uso na irrigação. “Aqui nós temos a casa de bombas, o ponto de captação que alimenta todo o sistema de irrigação, temos capacidade para 12.600 m³ de acúmulo no reservatório, sustentável e eficiente”, aponta.

Importante e sustentável

O processo é conduzido e acompanhado por profissionais especializados da própria cooperativa trazendo vários benefícios. “Nas lavouras experimentais do Centro Tecnológico da Cocari é utilizada toda a água proveniente da captação das chuvas. Isso é muito importante e sustentável para nossa cultura e para a nossa produção. Através dessa água temos possibilidade de cultivar milho, soja e trigo nas melhores janelas de semeadura. Essa é uma das ações que beneficiam o meio ambiente e toda a população”, destaca o supervisor do CTC Cleonei Aliev.

O cuidado com a preservação dos recursos naturais está presente também em outras iniciativas da Cocari, como o Projeto Olho D’Água, que restaura as nascentes em propriedades de cooperados, e o Projeto Mata Ciliar, que promove a revitalização da vegetação nativa, ao longo dos leitos dos rios, nas regiões de atuação da cooperativa. 

É assim que Cocari coopera: colocando em prática as ações que contribuem efetivamente para preservar os recursos naturais e beneficiar as atuais e próximas gerações com uma atuação ética responsável e sustentável. 

Redação Cocari

Ao repostar nosso conteúdo, dê os devidos créditos.