Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

PCPR deflagra operação contra associação criminosa envolvida em jogos em redes sociais

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) está nas ruas para cumprir seis ordens judiciais contra uma organização criminosa responsável por lesar vítimas através de jogos de azar pelas redes sociais. As investigações apontam que os indivíduos disponibilizam, através de perfis em redes sociais, links que direcionavam pessoas para sites de apostas do Jogo do Tigrinho.

São três mandados de prisão preventiva e três mandados de busca e apreensão, além de suspensão de perfis em redes sociais. A ação acontece simultaneamente em Colombo e Fazenda Rio Grande, na Região Metropolitana de Curitiba.

A ação é decorrente de investigação que apura crimes de estelionato, organização criminosa, lavagem de dinheiro e crime contra economia popular.

Um dos alvos está foragido em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos. A PCPR representou pela inserção do nome dele na Difusão Vermelha da Interpol para ser cumprida a prisão no Exterior.

“Esta ação é um desdobramento de uma operação realizada entre novembro e dezembro de 2023. Conforme determinação judicial, os indivíduos estavam impedidos de divulgar jogos de azar, porém, houve o descumprimento da medida”, conta o delegado Tiago Dantas.

PLANTÃO DE INFORMAÇÕES

Aconteceu algo e quer compartilhar? Envie para nós!

Estamos nas redes sociais
Coloque o seu melhor e-mail e receba nossas atualizações

Ao repostar nosso conteúdo, dê os devidos créditos.