Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Domingo é marcado por casos de violência doméstica e lesão corporal na região

APUCARANA – No domingo (5), às 10h, uma mulher solicitou ajuda via 190 após ser agredida pelo marido na Rua Dom Pedro Segundo, no Jardim Ponta Grossa, em Apucarana. A vítima relatou que o marido tem estado muito agressivo nos últimos dias e que naquele dia a agrediu com socos, jogou pedra, puxou o cabelo e a golpeou com uma panela, além de ameaçá-la de morte. O agressor fugiu antes da chegada da polícia, que realizou diligências para localizá-lo, mas sem sucesso. Às 21h20, uma mulher relatou à polícia que foi agredida pelo companheiro na Avenida Aviação, na Vila Nova, em Apucarana. Segundo ela, após uma discussão no bar, o homem começou a agredi-la com socos e tentou estrangulá-la durante o trajeto para casa. A mulher conseguiu fugir e contatou a polícia militar, mas o agressor já havia fugido quando a equipe chegou ao local.

NOVO ITACOLOMI – Por volta de 18h35, um morador do Centro de Novo Itacolomi relatou à polícia que foi agredido por seu convivente durante uma confraternização no município de Cambira. Após uma discussão por motivos fúteis, o agressor começou a proferir palavras de baixo calão e ameaçou matar a vítima, desferindo um soco na boca que causou um hematoma nas costas. A vítima só acionou a PM após chegar em Novo Itacolomi. O agressor fugiu antes da chegada da polícia.

CAMBIRA – Às 21h25, a polícia foi acionada para atender a uma situação de violência doméstica na Rua São Paulo, no centro de Cambira. No local, a vítima relatou que seu convivente chegou em casa embriagado, começou a proferir xingamentos e tentou agredi-la. A vítima se defendeu e jogou o agressor no sofá. Ao ver a vítima acionando a polícia, o agressor a ameaçou de morte. Diante do relato, a polícia deu voz de prisão ao agressor, que colaborou com a equipe policial.

MAUÁ DA SERRA – Na madrugada de segunda-feira (6), às 0h30, a polícia foi acionada via 190 para atender a uma situação de violência doméstica na Rua São Roque, no Centro II de Mauá da Serra. No local, a vítima relatou que o pai chegou em casa embriagado, iniciou uma discussão com a mãe e, por ciúmes, começou a quebrar os pertences da residência e tentou agredir o filho. A mãe interveio e o pai fugiu antes da chegada da polícia.

Ao repostar nosso conteúdo, dê os devidos créditos.