Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Temporal causa queda de árvore sobre carro em Ivaiporã

A região de Ivaiporã e outros municípios do Paraná foram afetados por um forte temporal nesta quinta-feira (21). Em Ivaiporã, uma árvore caiu sobre um carro na Rua Bahia, na Vila Santa Maria, mas ninguém se feriu. O Corpo de Bombeiros foi chamado para remover os galhos. Também foram registradas quedas de árvores na PR-466 entre Manoel Ribas e Ivaiporã, perto do trevo de acesso a Ariranha do Ivaí.

Na região Oeste do Paraná, tempestades deixaram milhares de pessoas sem energia elétrica. Em Apucarana, apesar da forte chuva em vários bairros no início da tarde, o Corpo de Bombeiros não registrou nenhum incidente.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta de ‘grande perigo’ de tempestades para as regiões Centro, Noroeste, Sudoeste, Oeste, Norte Central, Centro-Sul e Sudeste do Paraná. Segundo o Inmet, essas áreas podem registrar cerca de 100 milímetros de chuva por dia, com ventos fortes de até 100 km/h e risco de granizo. O aviso é válido até o final da tarde desta quinta-feira (21).

Com a chegada de um grande temporal ao Paraná pelo Oeste e Sudoeste, que agora atinge municípios de todas as regiões do estado, a Copel intensificou a mobilização de equipes para restabelecer o fornecimento de energia. Cerca de 800 profissionais da empresa estão trabalhando na reconstrução da rede danificada pelos fortes ventos e pela alta incidência de raios.

Até o momento, a empresa registrou 4.023 danos à rede de distribuição de energia. Cada dano representa um ponto diferente da rede que será inspecionado e consertado pelas equipes. Atualmente, há 217 mil domicílios sem energia. Os municípios mais afetados são Toledo, Foz do Iguaçu e Cascavel, no Oeste; Umuarama, Querência do Norte e Mandaguari, no Noroeste; e Reserva, Ponta Grossa, Colombo e Balsa Nova, no Centro-Sul e Leste.

O Simepar registrou rajadas de vento de 91,4 km/h em Foz do Iguaçu, 96,1 km/h perto de Francisco Beltrão e 87,1 km/h em Nova Prata do Iguaçu. Segundo a Escala de Beaufort, que mede a força dos ventos, essas rajadas são consideradas ventanias muito fortes e têm o potencial de causar danos em habitações.

A Copel orienta a população a manter distância de locais com postes quebrados e fios caídos. Situações de risco devem ser informadas pelo telefone 0800 51 00 116. A falta de luz pode ser informada pelo aplicativo para celulares, pelo site da Copel e pelo número de WhatsApp 41 3013-8973.

Segundo o Simepar, uma frente fria está avançando no Sul do Brasil e provocando tempestades que começaram no norte da Argentina e já atingiram várias regiões do Paraná.

PLANTÃO DE INFORMAÇÕES

Aconteceu algo e quer compartilhar? Envie para nós!

Estamos nas redes sociais
Coloque o seu melhor e-mail e receba nossas atualizações

Ao repostar nosso conteúdo, dê os devidos créditos.