Mulher acusa ex-convivente de ameaçá-la com faca em Lunardelli

No dia 29 de janeiro de 2024, uma equipe da Polícia Militar de Lunardelli foi acionada para atender uma ocorrência de ameaça. A vítima relatou que seu ex-convivente havia pulado o muro de sua residência e entrado pela janela.

No interior da residência, o homem encontrou a vítima com um homem na sala. Ele ficou exaltado, pegou uma faca e começou a ameaçá-los de morte, afirmando que os mataria se não saíssem dali.

A vítima saiu correndo, sendo perseguida pelo autor. Ao tentar detê-lo, a vítima foi empurrada e arranhada, enquanto o autor a ofendia com palavras de baixo calão.

Posteriormente, o autor teria pegado os celulares de ambos e fugido em um veículo Corsa branco.

A equipe policial forneceu as orientações necessárias quanto aos procedimentos cabíveis e prosseguiu com o patrulhamento para localizar o autor.

Próximo à residência, o mesmo foi encontrado, negando as ameaças e agressões. Ele relatou que a discussão ocorreu devido ao filho que compartilhavam.

Durante a abordagem, os celulares foram recuperados, e o autor, que colaborou durante todo o procedimento, não apresentou resistência, não sendo necessário o uso de algemas.

Ambas as partes foram encaminhadas ao Hospital de Lunardelli para o laudo de lesão corporal e, em seguida, à Delegacia de Polícia de São João do Ivaí para esclarecimento dos fatos.

Não é permitida a reprodução deste conteúdo.