Apucarana investiga terceira morte suspeita de dengue

O Departamento de Vigilância Epidemiológica da Autarquia Municipal de Saúde (AMS) de Apucarana está investigando uma terceira morte suspeita de dengue na região. A vítima é uma idosa de 75 anos que faleceu no Hospital da Providência. Ela procurou atendimento na última segunda-feira (15) com dores no corpo e desconforto abdominal, sendo internada no hospital na terça-feira (16), quando ocorreu o óbito.

Amostras para exame foram coletadas e encaminhadas ao Laboratório Central do Estado do Paraná (Lacen), com resultados sendo solicitados com urgência. O chefe do Departamento de Vigilância e Epidemiologia da AMS, Luciano Simplício Sobrinho, afirmou que, inicialmente, a paciente não apresentou sinais característicos de dengue grave, como estágio febril ou sangramento, mas exibiu sintomas que demandam investigação. O resultado do exame é aguardado para fornecer mais informações.

A paciente, que era hipertensa, enfrentou dificuldade de se alimentar durante três dias e apresentou falta de ar. Esta é a terceira morte por suspeita de dengue sendo investigada em Apucarana. As outras duas vítimas são um jovem de 22 anos que faleceu no último sábado (13) e um idoso de 85 anos que morreu na sexta-feira (12), ambos no Hospital da Providência.

A Unidade Básica de Saúde Bolívar Pavão, referência no atendimento de pacientes com dengue em Apucarana, registrou aproximadamente 280 pessoas com suspeita da doença nos últimos 15 dias. O município contabilizou 4.176 atendimentos na unidade, com 2.044 consultas médicas realizadas de 1º a 15 de janeiro. Até o momento, foram notificadas 3.021 casos da doença na cidade, segundo informações da epidemiologia local.

Não é permitida a reprodução deste conteúdo.